Green You - Capa Inicial (1)

Escoteiros de Mira de Aire

Escoteiros
escoteiros 2
Em Mira de Aire, crianças desde os 7 anos, têm a possibilidade de se juntar a um grupo de futuros amigos e companheiros que os acompanharão nas mais diversas atividades e com os quais aprenderão a conviver em harmonia com a Natureza e a importância da entreajuda e trabalho de equipa. Já de seguida, ficarás a saber um pouco mais sobre o Grupo de Escoteiros de Mira de Aire.
O Grupo de Escoteiros é constituído pelas seguintes divisões: Alcateia, Tribo de Escoteiros, Tribo de Exploradores e Clã.
Em Mira de Aire, este grupo é constituído no total por 45 elementos: 14 elementos cabendo na Alcateia, 15 elementos na Tribo de Escoteiros, 6 na Tribo de Exploradores, 2 no Clã e 9 dirigentes.
Mas o que é isto da Alcateia, Tribo de Escoteiros, Tribo de Exploradores e Clã?
Alcateia
A Alcateia é a Divisão onde se agrupam os elementos mais novos de um Grupo de Escoteiros, contendo crianças com idades compreendidas entre os 7 e os 10/11 anos, que são denominadas como Lobitos. Pontualmente, e se a Chefia de Alcateia entender que a criança tem as competências necessárias, poderão ser aceites crianças com 6 anos.
A Alcateia organiza-se em Bandos, podendo estes assumir a cor de um lobo (preto, cinzento, ruivo, castanho ou branco). A cor é escolhida pelos Lobitos desse mesmo Bando, não podendo haver dois bandos com cores iguais na mesma Alcateia.
Na Alcateia vive-se o conceito da “Família Feliz”, a vivência em pequenos grupos é praticamente inexistente uma vez que os bandos, não têm um papel estrutural nem funcional, apenas organizativo. A identificação da Alcateia como uma “Família Feliz”, também decorre dos Lobitos serem alegres e partilharem o humor e as situações anedóticas, a afeição, a amizade e a confiança. Cada um tem um lugar e um papel importante na vida da Alcateia. Têm o direito a participar ativamente, a jogar, a brincar e a emitir as suas opiniões. Contudo, os Lobitos obedecem à(ao) Aquelá e aos Velhos Lobos. Esta obediência não surge como uma imposição, mas emerge do bom funcionamento da própria Alcateia.
Aqui como nas restantes divisões, a criança tem um conjunto de objetivos e desafios adequados à sua idade e características, que vão auxiliar o seu gradual desenvolvimento em seis áreas (físico, intelectual, espiritual, caráter, afetivo e social).
Na Alcateia o enquadramento simbólico é uma ferramenta fundamental, nomeadamente para a educação de valores. A Mística e o Cenário da Divisão têm como base a Selva (segundo as histórias de Máugli do Livro da Selva de Rudyard Kipling). Na idade a que corresponde a Alcateia a criança tem uma grande imaginação - é a idade das histórias fantásticas. Assim, embora o Lobito tenha dificuldades em compreender e assimilar valores e conceitos através do raciocínio lógico e formal dos adultos, consegui-lo-á com mais facilidade se puder "vê-los" e representá-los através de um simbolismo adequado.
Por isto, torna-se essencial que a atividade, para estas crianças, se desenrole num enquadramento simbólico adequado, rodeado de um ambiente fantástico que, para além de ser agradável e atraente para a criança, permita desenvolver o simbolismo indispensável à concretização dos objetivos educativos desta Divisão.
A transição para a Tribo de Escoteiros deverá ocorrer a partir dos 10 anos e antes de os Lobitos terem completado os 11 anos.
Tribo de Escoteiros
A Tribo de Escoteiros corresponde à faixa etária dos jovens com idades entre os 10/11 e os 13/14 anos. As admissões são feitas a partir dos 10 anos e a saída para a Tribo de Exploradores deve ocorrer após os 13 anos e antes de os Escoteiros terem completado os 14 anos.
Os elementos da Tribo dividem-se em pequenos grupos designados por Patrulhas, constituídas por jovens do mesmo género.
O Sistema de Patrulhas é o elemento estruturante desta Divisão, devendo os órgãos que o constituem ser fortemente controlados pela Chefia da Tribo. 
 -A Patrulha é liderada por um dos seus elementos – o Guia – que é eleito em Conselho de Patrulha pelos elementos da Patrulha.
 -O Guia de Patrulha é ajudado pelo Sub-guia, que também é eleito pela Patrulha. 
 -Os restantes cargos são escolhidos dentro da Patrulha por eleição ou comum acordo. 
 Nota: Quando necessário o processo eleitoral pode ser acompanhado pela Chefia da Divisão. 
Como a Patrulha é responsável pelo seu próprio funcionamento, a cada elemento terá de ser atribuído um cargo, para que todos contribuam para o seu bom funcionamento.
A grande atividade da Tribo de Escoteiros designa-se por Aventura e deverá realizar-se uma no final de cada trimestre, durante as férias escolares (Natal, Páscoa e verão). A Aventura deverá apresentar uma grande dose de jogos que devem estar enquadrados no respetivo Tema e que assumem uma forte componente física e intelectual.
Tribo de Exploradores
A faixa etária correspondente à Tribo de Exploradores situa-se entre os 13/14 e os 16/17 anos. As admissões são feitas a partir dos 13 anos e a saída para o Clã deve ocorrer após os 16 anos e antes dos Exploradores terem completado os 17 anos.
O Sistema de Patrulha é a concretização na Tribo, da Vida em Pequenos Grupos, que é um dos elementos do método escotista. O Sistema de Patrulhas, tal como na Tribo de Escoteiros, é o elemento estruturante da Tribo de Exploradores. Para além disso, é uma poderosa ferramenta pedagógica ao promover a participação na tomada de decisões e a aceitação progressiva de responsabilidades.
Na Tribo de Exploradores, ao contrário daquilo que acontece na Tribo de Escoteiros, a vida em pequenos grupos não se implementa apenas através do Sistema de Patrulhas, estando também presente através do Sistema de Projeto, nomeadamente através das Equipas de Expedição e do Conselho de Expedição.
A Patrulha é responsável pelo seu próprio funcionamento. Cada elemento terá um cargo atribuído, para que todos contribuam para o seu bom funcionamento. 
As atividades da Tribo de Exploradores deverão ir ao encontro das áreas de desenvolvimento, que se concretizam nas 6 áreas de desenvolvimento pessoal.
Clã
A faixa etária correspondente ao Clã situa-se entre os 16/17 e os 21 anos. Podem ingressar no Clã elementos a partir dos 16 anos e até os 19 anos, devendo a Partida ou a transição para a Chefia ocorrer antes de terem completado os 21 anos. Sendo o Clã a última Divisão de jovens da AEP é nela onde se pretende que todos os objetivos educativos sejam atingidos.
A vivência no Clã centra-se no indivíduo, sendo o Caminheiro a unidade de trabalho, distinguindo-se bastante das Tribos onde a unidade de trabalho é o pequeno grupo.
As atividades do Clã designam-se de Empreendimentos. Para a realização das atividades, os Caminheiros agrupam-se em Equipas, as quais são de caráter temporário e cuja duração é apenas a necessária para a realização do Empreendimento em questão.
As atividades no Clã visam a concretização de interesses pessoais e o desenvolvimento dos Caminheiros, promovendo também de forma particular o envolvimento na comunidade e a realização de grandes atividades de exploração.
As atividades da Tribo de Exploradores deverão ir ao encontro das áreas de desenvolvimento, que se concretizam nas 6 áreas de desenvolvimento pessoal.
Acompanha este Grupo
Tens agora uma grande quantidade de informação relativamente à constituição de um Grupo de Escoteiros. No entanto, tal como o Chefe Artur dos Escoteiros de Mira de Aire disse, este grupo é mais do que apenas aquilo aqui apresentado. Para descobrir mais, podes segui-los no Instagram e no Facebook e, obviamente, juntares-te a esta família.
Facebook: https://www.facebook.com/escoteiros.miradeaire
Instagram: https://www.instagram.com/escoteiros.miradeaire/